Sem categoria

Pré – escola parte II

Olá, mamães!

Continuando a saga da iniciação escolar de nossos filhos, o assunto hoje é saúde. Todo mundo fala que é normal criança ficar doente na escola e que tem mais é que criar anticorpos mesmo. Bem, depende da idade da criança e do tipo de adoecimento, na minha humilde opinião de mãe. A menos que haja uma necessidade irremediável, uma situação incontornável, não vejo porque devemos expor crianças de menos de 2 anos, que ainda não se expressam bem o suficiente para nos dizer onde dói, que não têm nenhum discernimento sobre higiene, que não sabem assoar um nariz ou excretar uma secreção nasal pela boca. Entendem? Há doencinhas bobas que matam se mal tratadas. Bronquiolite é uma delas. Não vejo motivo para essa pressa desenfreada em desenvolver a criança, como se ela não se desenvolvesse naturalmente, dia após dia, no convívio do lar. Pressa em ver a criança alfabetizada, quanto antes melhor! Pressa para falar outro idioma! Pressa para aprender a tocar um instrumento! Pressa para ser hábil num esporte! Considero todas estas coisas (além de muitas outras que não se encontram nas escolas) essenciais ao bom desenvolvimento, porém, minha ressalva diz respeito à urgência! Sejamos francas: à clara competição entre mães. “Meu filho já lê”, “Meu filho escreve em inglês” e “O meu toca piano”. Tudo tem seu tempo. Acho que se todas essas coisas forem inseridas paulatinamente e sem nenhum tipo de pressão, serão de muito melhor proveito para a criança e para a família.

Portanto, aproveitemos bem o tempo que temos com nossos pequenos em casa, lhes ensinando princípios, noções básicas sobre tudo, incutindo os conhecimentos que servirão de base para toda a vida. Até porque, como me disseram outro dia, a escola é um caminho sem volta. Uma vez que eles começam a trilhar, é daí pra frente e pra cima. É o começo do nascer das asas para um dia alçarem o vôo para fora do ninho. Cliché, não? Mas não é verdade?!

Então, que possamos aproveitar ao máximo o momento do aconchego do lar junto com nossos pequenos, dando carinho, colo, dengo, chamego, atenção, tudo o que vai continuar existindo após a escola mas, teremos menos tempo. Agora eles são todinhos nossos rsrs. Acha que estou com bobagens? Espere só até ver seu filho falando o nome da pró umas trinta vezes por dia kkk! E exaltando tudo o que ela ensina a ele, como de você nunca tivesse ensinado nada hahaha! !

Conte-me depois!

Beijos, meninas!

Anúncios

Deixe um comentário! Sua opinião é importante para manter o blog interessante!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s